Como evitar problemas no controle do lote de fabricação?

PUBLICADO POR:

Viasoft Korp ERPViasoft Korp ERP

PUBLICADO EM:

23 de fevereiro de 2021

No ramo de logística, o lote de fabricação é aquela remessa formada por diversas unidades de um mesmo item de suprimento. Sendo que esses itens são feitos em série, sob as mesmas condições. Aliás, na produção em lote, a indústria produz uma quantidade limitada de um determinado produto em certo período de tempo.

 A identificação dos lotes ocorre por meio de codificação: código de barras ou outro número identificador. Então, diversas indústrias usam esse tipo de produção para manter o controle dos itens.

 Neste artigo, você vai entender o que é o lote de fabricação e as principais dicas para evitar problemas no seu controle. Vamos lá?

O que é lote de fabricação?

Quando acontece a produção de um produto em certa quantidade por vez, podemos dizer que estamos criando um lote. Sendo assim, ele tem o objetivo de atender a demandas específicas para facilitar vendas e operações logísticas.

A identificação dos lotes ocorre por meio do uso de códigos de barra ou bi-dimensionais. Desse modo, as etiquetas levam informações sobre o produto, para garantir eficiência na separação e rastreio.

Portanto, os produtos de um lote específico precisam contar com o mesmo detalhamento, como a data de fabricação e a matéria-prima utilizada. Isso facilita, inclusive, a resolução de problemas caso um lote possua itens danificados.

Por isso, o lote de fabricação é tão importante. Uma fábrica possui diversos processos para certificar que um produto está pronto para a entrega. Com o lote, pode-se assegurar que a rastreabilidade será eficiente.

Tendo um leitor específico para ler os traços em barras, é possível interpretar todo o histórico do produto, assim como:

  • Composição;
  •  Data de fabricação;
  • Tipos de processamento;
  • Endereço da fábrica, entre outros dados.

 Por que controlar o lote de fabricação?

Investir em soluções de codificação para o lote de fabricação demonstra a preocupação da empresa com os seus produtos. Com isso, há aumento da percepção de segurança e confiança por seus clientes.

Outro ponto positivo é que o lote de fabricação garante mais agilidade na administração de reclamações. Afinal, a empresa não precisa recolher toda a produção, mas apenas fazer um recall pontual.

Um exemplo pode ser o caso de um produto defeituoso que precisa ser retirado imediatamente de circulação. Se o produto continuasse sendo utilizado, poderia afetar a credibilidade da fábrica. Por isso, o investimento na identificação do lote de fabricação reduz o prejuízo financeiro que poderia acontecer no caso de perda de clientes por produtos defeituosos.

Quais são os benefícios da rastreabilidade de produtos?

A partir da adoção da identificação dos produtos, a sua indústria poderá obter uma série de benefícios, como:

  •         Informações detalhadas sobre produções específicas;
  •         Redução de prejuízos com erros;
  •         Atendimento à legislação;
  •         Assertividade nos processos logísticos;
  •         Gestão de estoque eficiente;
  •         Melhoria contínua em todas as etapas da produção.

Como fazer o rastreio do lote de fabricação?

Ao identificar o lote de fabricação, a empresa rastreia também os produtos e cargas, conforme os destinos de distribuição. Ou seja, se acontecer algum problema ou falha com os produtos, será fácil identificar o lote e analisar o erro primário.

Além disso, o usuário final terá mais segurança ao adquirir uma mercadoria com as informações de fabricação. Por exemplo: data, composição, etc.

A seguir, saiba como evitar problemas no controle do lote de fabricação:

Identificação e rastreabilidade

Como é feito o rastreio e identificação dos lotes de fabricação no estabelecimento onde você trabalha? Esse é um fator primordial que as indústrias devem levar em consideração, a fim de evitar dificuldades no controle e gestão dos lotes.

Você já parou para pensar na quantidade de processos existentes dentro de uma fábrica? São muitas fases, tarefas, fornecedores e clientes. Então, para manter a ordem e o controle da produção, a empresa precisa contar com um sistema de identificação que facilite o rastreio.

Nesse sentido, quando a empresa tem um software para a gestão e automatização de processos e tarefas, os trabalhos diários tornam-se mais fáceis e adequados.

Como utilizar um ERP para rastrear o lote de fabricação?

Realizar o controle de um grande número de lotes manualmente e com qualidade é inviável, pois as chances de erros são altíssimas. Portanto, a solução ERP vem como uma excelente alternativa para ajudar indústrias com a identificação e gestão dos lotes. Além disso, torna os processos mais ágeis e simplificados.

Com o software, a fábrica terá maior controle dos itens, conforme as datas de validade e fabricação. Tenha o controle do estoque por identificação de lote, assim, a equipe acompanha as movimentações do produto. Por exemplo: transferência de local, saída para vendas, etc. Além do mais, o ERP ajuda no: 

  • Rastreio da mercadoria pelo seu número de lote ou série;
  • Relatórios relacionados ao lote do produto;
  • Verificação de lotes que estão próximos da validade ou que já venceram;
  • Entre outras possibilidades.

Além dos benefícios que o sistema traz em relação à gestão da produção e logística, também há outras vantagens, como:

  • Histórico de atividades de cada área;
  • Controle de permissão de acesso;
  • Ajuda com informações valiosas para o planejamento e ajustes na produção;
  • Otimização da rotina do seu negócio, assegurando uma padronização de processos;
  • Entre outras.

OViasoft Korp ERP está à disposição das empresas para auxiliar com a identificação, rastreio e controle de lotes de fabricação, ajudar com a movimentação de estoque, gestão da qualidade, etc.

Conheça os módulos do sistema ERP e tire as suas dúvidas!

Cadastre-se em nossa newsletter

Please wait...

Obrigado por se inscrever!

COMPARTILHE

Publicado por:
A Viasoft Korp nasceu na indústria em 1999 e se tornou o maior especialista em sistemas de gestão para o segmento industrial e de distribuição. Além do ERP, desenvolve diversas outras soluções com foco em lucro e produtividade.

ARTIGOS RELACIONADOS

Gestão logística: guia completo

04 de dezembro de 2023

Continuar lendo

RFID: o que é essa tecnologia?

30 de novembro de 2023

Continuar lendo