Os indicadores industriais ajudam na análise de métricas de desempenho. É possível avaliar departamentos, equipes, a linha produtiva ou outras métricas, por um determinado período de tempo.

Esses indicadores permitem medir a indústria em certos parâmetros e verificar se o planejamento está conforme o plano inicial. Além disso, também têm o papel de alertar as equipes sobre a gestão, caso tenha algo incorreto, ou ainda, se os resultados estiverem muito inferiores àqueles planejados.

Nesse sentido, listamos 15 indicadores industriais importantes neste setor de mercado, a fim de ajudar sua equipe com as avaliações de performance da fábrica.

Principais indicadores industriais

1 – OEE

Com o objetivo de aumentar a capacidade de produção dos equipamentos industriais com o menor custo possível é necessário contar com bons indicadores. Então, por meio do indicador OEE (Overall Equipment Effectiveness), identifique se o processo produtivo está no caminho certo. Ou seja, examine a eficiência da operação produtiva.

O OEE apresenta três pilares principais que ajudam a avaliar a produção da fábrica: Disponibilidade, Desempenho e Qualidade. Entenda melhor o assunto, em nosso artigo: Gestão da produção: como o indicador OEE ajuda as indústrias?

2 – Lucro líquido

É um dos indicadores industriais mais básicos e necessários dentro de qualquer indústria. Como calcular o valor do lucro líquido?

Some o faturamento total do período e tenha também o valor dos custos dentro desse mesmo momento. Então, calcule:

  • Lucro líquido = Receitas Totais – Custos Totais

3 – Margem de lucro líquida

Saiba quanto a fábrica pretende lucrar em determinado tempo em relação ao valor investido.

Então, estipule um número aceitável dentro do mercado, a fim de evitar erros com margens de lucro exageradamente altas. Depois, avalie o lucro líquido do período.

4 – Margem de lucro bruta

Essencial para entender a rentabilidade da empresa durante o intervalo escolhido.

A fim de obter a margem de lucro bruta, verifique o que a companhia recebeu pelas vendas e abata do valor gasto para produzir os materiais.

5 – NPS

O Net Promoter Score ou NPS ajuda seu empreendimento a avaliar a satisfação dos clientes. Assim, é possível verificar a quantidade de promotores e detratores da empresa.

Com o intuito de identificar o NPS da instituição, solicite aos consumidores que respondam em uma escala de 0 a 10: “Quanto você recomendaria a marca, produto ou serviço a um amigo?”.

Escrevemos um artigo completo sobre este tema, confira: Como você mede a satisfação dos seus clientes? Conheça o Net Promoter Score (NPS)

6 – ROI

O indicador ROI (Return on investment ou Retorno sobre o investimento) permite que seu time entenda o resultado obtido versus o investimento realizado. Certamente, é fundamental para analisar se o trabalho feito está progredindo, conforme o esperado.

7 – EBITDA

EBITDA (Earning Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization ou Lucros Antes de Juros, Impostos, Depreciação e Amortização) trata-se da capacidade da indústria em gerar caixa com suas operações. Isto é, desconsiderando os ganhos com investimentos ou aquelas despesas com juros e impostos. Sendo assim, indica o lucro obtido, mas antes do cálculo da incidência de impostos, juros e depreciações que a companhia venha a estar sujeita.

8 – OTD

É importantíssimo entender o On-Time Delivery (Percentual de Entregas Realizadas no Prazo), já que o indicador da logística mostra a quantidade de pedidos que foram entregues no prazo combinado.

  • OTD = Total de Entregas no Prazo ÷ Total Entregas * 100

9 – CLV

Com o indicador Customer Lifetime Value (CLV), a empresa consegue verificar o valor que um cliente pode gerar em toda sua “vida” com a instituição.

Por exemplo: caso o cliente adquira um produto por mês no valor de R$50 e, em média, a fidelidade com a sua empresa dure 12 meses, esse consumidor tem o CLV de R$600.

10 – Market Share

Um dos indicadores industriais que permitem visualizar a fatia de mercado que o negócio possui dentro de um determinado período de tempo é o Market Share. Pode ser medido considerando as vendas totais daquele segmento. Veja o cálculo, a seguir:

  • Market Share = Receita de Vendas da empresa em um período ÷ Receita das Vendas totais do mercado no mesmo período

11 – Lead time

É o tempo utilizado para gerar todo o ciclo de produção, isto é, desde o pedido do consumidor até a entrega do produto. Sendo assim, este KPI da produção serve, em especial, para disponibilizar prazos de entrega mais precisos.

Veja outras vantagens do indicador: clientes satisfeitos, controle da produtividade, fácil identificação de gargalos nos processos, entre outras.

12 – CPL

O Custo por Lead (CPL) tem o papel de medir o valor gasto para adquirir um lead pelo marketing. Dessa forma, o cálculo é o seguinte:

  • CPL = Gastos na conquista dos leads ÷ Leads gerados

13 – Giro de estoque

Essa métrica ajuda na verificação de entradas e saídas de produtos do estoque. Ou seja, avalia-se quanto tempo uma mercadoria fica parada. Veja este assunto com detalhes, em nosso artigo: Como calcular o giro de estoque nas indústrias?

14 – Ticket médio

Mede quanto um consumidor gasta, em média, com a sua instituição. Portanto, divida o faturamento bruto pela quantidade atual de clientes, a fim de obter o ticket médio. Aliás, esse é um dos indicadores industriais que não podem ficar de fora da sua lista.

15 – Taxa de inadimplência

O KPI ajuda a medir quanto capital a indústria tem para receber que está atrasado ou não foi pago. Com certeza, é um indicador industrial que não pode ficar de fora, pois a instituição precisa entender se o caixa está saudável ou comprometido e, em seguida, tomar decisões a fim de melhorar ou resolver as ocorrências e processos.

Sistema com relatórios completos

Há muitos indicadores industriais que precisam ser avaliados periodicamente. Portanto, contar com um software de ponta que auxilie no acompanhamento dos KPIs de modo automatizado é uma necessidade. O Viasoft Korp ERP pode facilitar seu dia a dia com a Gestão Industrial.

O ERP permite que o seu negócio tenha relatórios confiáveis ligados diretamente com os setores da empresa, em tempo real. Assim, possibilitando um suporte a mais para as tomadas de decisão.

Entenda como o sistema funciona: Módulos do Viasoft Korp ERP.

Dúvidas sobre os indicadores industriais? Bora conversar?